MUSEU DE ARTE DE SÃO PAULO - Assis Chateaubriand
- | A | +
ENCONTRO INTERNACIONAL DE MÚSICA ANTIGA EMESP
Período:
11 de junho às 16h

O Núcleo de Música Antiga da EMESP realiza o seu V Encontro, evento que já se consolidou na agenda musical do país como um dos mais significativos do gênero. Durante uma semana, os professores do Núcleo acolhem alunos de diversas partes do Brasil para formar um grande ensemble que se apresenta no concerto de encerramento, marcado para às 16h do dia 11 de junho no Auditório MASP Unilever.



DOMINGO SINFÔNICO - ROMEU E JULIETA E PORGY AND BESS
Período:
12 de junho às 11h

No dia dos namorados, a Banda Sinfônica do Estado de São Paulo apresenta o clássico Romeu e Julieta e Porgy and Bess com regência da Maestrina Érica Hindrinkson e os solistas Edna D'Oliveira, Edineia de Oliveira e Alessandro Santana. O concerto acontece domingo, 12 de junho, às 11h, no palco do Auditório MASP Unilever.



CORAL DA GENTE DO INSTITUTO BACCARELLI
Período:
19 de junho às 16h

O Coral da Gente é formado por crianças e jovens de 4 a 14 anos e abrange um repertório diversificado em suas apresentações, incluindo composições brasileiras e obras internacionais do repertório popular e erudito.



CAMERATA DO INSTITUTO BACCARELLI
Período:
19 de junho às 11h

Sob a coordenação do professor Pedro Visockas, a Camerata do Instituto Baccarelli é formada por 14 violinos, 4 violas, 3 violoncelos e 1 contrabaixo, o grupo trabalha predominantemente o repertório dos séculos XVII e XVIII.



COM AMOR, BRIGITTE
Período:
26 fevereiro a 26 junho de 2016

A atriz francesa Brigitte Bardot veio ao Brasil nos anos 60 e sua visita à Búzios ficou internacionalmente conhecida. O texto trata de um episódio que pouca gente sabe, antes de chegar ao balneário, a atriz teve de ficar quatro dias reclusa em um apartamento no Rio de Janeiro, para fugir do intenso assédio da imprensa e dos fãs, que a aguardavam já na pista do aeroporto do Galeão.



ISADORA
Período:
21 de maio a 31 de julho de 2016

O espetáculo narra a história da bailarina e revolucionária Isadora Duncan, a partir do encontro com um Editor, interessado em seu livro de Memórias. Suas lembranças da juventude são vividas no palco, assim como as suas ideias sobre a mulher, a educação e a liberdade na dança. Belas imagens e coreografias ilustram a cena, assim como a presença de música ao vivo.